Protesto de estudantes em Tarauacá

Estudantes de ensino médio da escola João Ribeiro, a mais antiga escola de Tarauacá, realizaram está semana um grande protesto contra a falta de professores na escola.

O movimento contou também com a adesão da direção da escola que se juntou aos estudantes para reforçar o protesto e exigir uma imediata solução para o problema.

Segundo o professor Aldomir, os professores Atendendo a pedidos dos alunos, preocupados com a proximidade do final do ano letivo, fizemos uma manifestação solicitando professores para algumas áreas que ainda permanecem sem professores.

Ainda segundo o professor, um comissão de professores e alunos, foram recebidos por membros da equipe pedagógica do núcleo estadual de educação, que informaram que estão fazendo tudo o que está ao alcance para sanar o problemas.

Segundo o estudante do terceiro período, Danilo Ferreira, a escola desde início do ano não está tendo professores de Química, Física e geografia. Por isso que os estudantes foram para frente do núcleo de educação, principalmente os alunos do 3° ano que irão se formar no fim do ano. Sem professores isso não será possível. “Por isso venho aqui pedir para que o núcleo de Educação faça algo para que possamos ter professores na escola João Ribeiro pois só assim os estudantes terão o futuro que esperam”. Ainda segundo Danilo, se o problema não for resolvido haverá novas manifestações para que os estudantes sejam ouvidos. “Um estudantes que quer ter futuro não pode aceitar uma situação dessa, ficando calado sem lutar pelos seus direitos”. Disse.

OPINIÃO: Tarauacá já foi palco de grandes movimentos de estudantes e trabalhadores. Hoje esse movimento está um pouco anestesiado diante das grandes demandas sociais. A manifestação dos estudantes da escola símbolo histórico de TARAUACÁ, acende uma luz no caminho pelo fortalecimento da democracia e o exercício pleno da cidadania

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

nove + 6 =