LEGISLAR E FISCALIZAR PARECE NÃO SER MAIS TÃO IMPORTANTE.

Assembleia Legislativa do Acre aprovou nesta quarta-feira (5) Proposta de Emenda Constitucional para alterar o sistema de liberação de emendas parlamentares.

A proposta aumenta de 2 milhões para 3 milhões. A soma total são 72 milhões valor que deve ser destinado aos 24 Deputados a partir do próximo ano.

Opinião: Essas emendas paralmentares, sem transparência e controle social, será apenas um instrumento criado para atender demandas eleitorais de Deputados em suas bases.

Os verdadeiros interesses da população fica sempre em segundo plano. As prerrogativas principais do legislativo é, legislar e fiscalizar com rigor a aplicação dos recursos públicos. Isso é o que menos os Deputados fazerem.

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

dezesseis + quinze =